Terça-feira, 15 de Fevereiro de 2005

Tequilla nunca mais!

Ontem foi dia dos namorados. Sempre achei este dia uma piroseira e nunca o festejei. É um dia tão comercial, que sinceramente não sei onde fica o romantismo. Lá tem a malta de gramar com os ursinhos de peluche, os ramos de flores e os corações do "I love you"... ou então leva com tudo junto! ...Não estejam já a pensar que digo isto por estar na minha fase de Encalhada-Mor do Reino... Nada disso! Sou encalhada, mas com muito orgulho e com todo o estilo!

 

Vamos aos acontecimentos da noite, que isso é que é importante!

Como 2005 está a ser um ano atípico, resolvi inovar. Fui jantar ao chinês com a minha amiga Letícia e os "plimos" dela (" Plimo": 220km/h na A17! ...olha que a nossa bófia é implacável! "Plima": assim que saiba onde há strip masculino por estas bandas, digo qualquer coisa!). O jantar decorreu sempre na maior galhofa. Provei uma série de pratos. O que eu escolhi era do mais insípido possível... se eu for assim a escolher o meu próximo namorado, estou bem tramada! O acompanhamento consistiu em dois copos de tinto alentejano e um sake... o rum do gelado frito não entra para estas contabilidades! O copo de sake era tão bonito... já se está a ver que o trouxe comigo!

 

Chegados a Santa Beata Terrinha City, vou directamente ao Scorpion. Encontro lá o Bruno e o João. Resolvemos malhar uns shots. "Até pode ser mesmo dos fortes porque só quero um...", digo eu. Pois sim, abelha!... Mal eu sabia como ia terminar a noite! Apanhei uma tosga descomunal! Ainda por cima a puta da ideia dos shots foi minha! ...Ora toma lá, que é para aprenderes!

 

Começamos com Tequilla, que eu nunca tinha experimentado. Tá-se bem, nem se sente o sabor! Foram 2 shots. Terminada a Tequilla, trazem uma garrafa (já meia) de Mezcal. Também nunca experimentei. À falta de sal picante, vai mesmo com sal normal. Mais 3 shots. Terminada a garrafa, sugiro um B52... acho piada àquilo! Já vamos em 6 shots, se as contas não me falham... detesto o numero 6, por isso temos de beber pelo menos mais um! Sugiro Moranguito. "Shot ou shaker?", pergunta o Victor (também só fazes perguntas difíceis!...). Às tantas é melhor shaker!... Passados 2 shot, o Scorpion passa a ter pavimento flutuante...!

 

Neste momento, por uma questão de "R", a língua inglesa é a única que consigo falar sem dar nas vistas, mas sou teimosa com'o raio e insisto em falar português... ainda por cima palavras tão difíceis de pronunciar, que até se me enrola a língua.

 

"Desapareço" durante algum tempo da mesa de comando e vou lá para fora conversar com um amigo... se lhe disse coisas coerentes (ou não!) só ele poderá dizer! É certo que me queria levar a casa (não especificou se a dele, ou se a minha...) e eu recusei porque tinha "mais um shot à minha espera". Na realidade, eram mais 4 (que o Fusível fez questão de me ajudar a beber, bebendo-os sozinho... tão amiguinho que ele é!).

 

O Bruno vai levar-me a casa, mas eu continuo a bater na tecla do "só mais um"... Irra, que tou chata! Ok, vai um Kalashnikov... arma mortífera que acaba de matar o pouco equilíbrio que ainda me restava. Ainda bem que estava de botas e não de carro! Havia de ser lindo...

 

Chegada a casa, decido que não vou subir ainda as escadas para o meu quarto... o chão está demasiado irrequieto, os degraus demasiado altos e eu com as pernas demasiado cansadas. É melhor descansar uns minutos! Eis que surge enfim um pensamento coerente: "acho que estou a ficar com o estômago às voltas..."! Tive mesmo de ir à casa de banho cantar Rammstein... se é que me faço entender! (Acho que o arroz chau chau me caiu mal... não volto a comer naquele chinês!).

 

Ainda hoje sinto náuseas cada vez que me lembro de lamber sal, emborcar tequilla/mezcal e comer limão a seguir! São demasiados anos sem treinar, chega-se a vias de facto e faz-se má figura! O meu fígado não está habituado a estes maus-tratos e um dia destes faz uma queixa-crime na APAFEA (Associação Portuguesa de Apoio a Fígados Encharcados em Álcool).

 

*Danni*

 

"Quando a cabeça não tem juízo... o corpo é que paga" António Variações

tags:
publicado por Danni às 14:17
link do post | Vá, diz qualquer coisinha! | favorito
6 comentários:
De Danni a 1 de Março de 2005 às 17:57
P/ ZUCO: Deitar abaixo uma esquadrilha de B52 vai ter de ficar em stand by... é que o meu organismo ainda nao esta preparado psicologicamente! Mas tenho treinado com a seita malvada dos shots... treinos softs, claro! hehehe. Gostei dessa do ar cool. Thanx pela dica! *Jin~hos
De Danni a 28 de Fevereiro de 2005 às 18:58
P/ LETICIA: Até que enfim um comentário teu no meu blog!É bom que cá continues a aparecer! Quanto aos shots, enquanto me lembrar nao me meto nisso... o problema é que sou de memória curta...LOL. Agora falando a sério, depois da tosga descomunal até o cheiro me enjoa!... Tens razao, Febres City nao é o palco ideal para essas nights! Já sabemos do que as linguas viperinas sao capazes... mas essas quero que vao para um sitio que rima com baralho!!! ;-)*Jinhos
De Zuco a 25 de Fevereiro de 2005 às 17:33
Minha cara amiga... A juventude não sabe beber! Mas não têem culpa, que os pais não ensinam estas coisas. Bem, vamos aos factos: Em relação á tequilla fique a minha cara a saber que não dá ressaca NENHUMA! Nada! Niente! Rien! Se ficaste assim foi por causa das outras bebidas.Em vez de shots malucos (Ok! Toma um a inicio e chega) pede tequilla sunrise ou marguerita que são servidas em copo alto ou taça, sempre duram mais (e as coisas boas são para durar...) são optimas para ocupar as mãos quando não sabemos o que lhes fazer e dão-nos um ar cool ao passearmos pelo ba/discoteca de copo na mão. Se te quiseres armar em boa podes sempre desafiar o amigo(a) para deitar abaixo uma esquadrilha de B52 (são só 12..) O truque está em alinha-los todos no balcão, acende-los, adr um tempinho e só depois comecar a beber... quando o absinto já ardeu todo...
De lticia a 23 de Fevereiro de 2005 às 21:11
Danni,
eu compreendo k estejas numa de experimentar coisas k até então nunca te tenha despertado,mas tens de ir com calminha,não me quero armar em mãe chata,é só para evitar certas situações um pouco constrangedoras tipo o "pavimento flutuante",ainda para mais em Febres city,sabes como são as linguas venenosas...
E não vá o teu figado á APAFEA.(Esta associação parte-me toda)lol
jinhos para ti.

De Danni a 21 de Fevereiro de 2005 às 12:23
P/ JOSE ANTONIO: Enquanto me lembrar desta, espero nao exagerar nos proximos tempos... A seita malvada dos shots pode ficar descansada porque nao é motivo suficientemente forte para me tornar numa beata abstemia... apenas nao pretendo exagerar! É frustrante ver que os nossos 5 sentidos funcionam mais atrofiados que a piroca do White Castel (se é que ele ainda a tem... LOL)Febres City? Zona Centro deste Portugalito à beira mar plantado, que dava imenso jeito aos cabroes dos espanhois! Isso quiseram eles! OTARIOS! (Com isto tudo, só espero que nao seja espanhol! LOL)... Um dia destes faço um post sobre este tema... mas é capaz de sair um tudinho de nada caustico... *Jinhos
De jose antonio a 21 de Fevereiro de 2005 às 01:54
È a gente arrepende-se sempre no dia seguinte,depois lá vem o dia k volta a acontecer o mesmo,é normal convem é não nos habituarmos muito,mas á falta de melhor ás vezes lá vai um enfrascamento e curte-se bué (lol).Já agora Febres City fica +ou- onde? Abraço...

Vá, diz qualquer coisinha!

:.Queres falar com a gaja?

danni_mrls@hotmail.com

:.Maio 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
30
31

:.Afinal quem é a gaja?

:.Últimos devaneios

:. Último episódio

:. Just think about it!

:. Portugal 3 - Hungria 0

:. Um abracinho

:. A euromilhas de distância

:. Dia de S. Nunca

:. A pedido de...

:. O fiel jardineiro

:. Pau que nasce torto...

:. There's no need to argue....

:.Já lá vai o tempo

:.tags

:. todas as tags

:.Outros vôos por onde me perco

:.Rapidinhas


:.De que andas à procura?