Sexta-feira, 2 de Maio de 2008

Balada da Despedida

 

Balada da Despedida do 5º Ano Jurídico 88/89

Letra: António Vicente

Música: João Paulo Sousa e Rui Pedro Lucas

 

Sentes que um tempo acabou

Primavera de flor adormecida

Qualquer coisa que não volta, que voou

Que foi um rio, um ar na tua vida

 

E levas em ti guardado

O choro de uma balada

Recordações do passado

O bater da velha cabra

 

Capa negra de saudade

No momento da partida

Segredos desta cidade

Levo comigo p'ra vida

 

Sabes que o desenho do adeus

É fogo que nos queima devagar

E no lento cerrar dos olhos teus

Fica esperança de um dia aqui voltar

 

E levas em ti guardado

O choro de uma balada

Recordações do passado

O bater da velha cabra

 

Capa negra de saudade

No momento da partida

Segredos desta cidade

Levo comigo p'ra vida

 

=======XXXXXXX=======

 

Sempre fui apaixonada pelo Fado de Coimbra... e desconfio que a minha filhota também, pois sentia-a mexer-se cá dentro sempre que o ouvia e era logo nos primeiros acordes! Gostava deste em particular.

 

Tudo isto para dizer que mais uma Queima se inicia e este ano eu não estarei lá. Não terei a minha capa negra a abraçar-me, enquanto os acordes da guitarra de Coimbra me embalam... e tenho pena de não poder estar aí este ano.  Apesar de terdeixado o curso em stand by quando engravidei, gostava de regressar a Coimbra nesta altura e assistir à Serenata Monumental com a minha filhota a ser abraçada também pela minha capa negra... mas parece que este ano me fico pelo desejo. Quem sabe para o ano...

 

Espero que este ano alguém se lembre de gritar um FRA por mim...

 

Hoy me siento: Nostálgica
tags:

:.Queres falar com a gaja?

danni_mrls@hotmail.com

:.Maio 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
30
31

:.Afinal quem é a gaja?

:.Últimos devaneios

:. Balada da Despedida

:.Já lá vai o tempo

:.tags

:. todas as tags

:.Outros vôos por onde me perco

:.Rapidinhas


:.De que andas à procura?